Procurando algo?

05/02/2013

Por que não gostar de pessoas ricas e milionárias

Acho estranho o fato de os brasileiros adorerem, apreciarem e até se inspirarem em pessoas ricas ou milionárias que eles conhecem ou já ouviram falar. Ainda mais no Brasil, aonde só ganha bem quem passa por cima dos outros, teve sorte ou dá uma de espertinho.
Essas pessoas são muitas vezes pessoas que pagam mal os funcionários, esnobam os mais pobres, às vezes até gostam de mostrar que tem dinheiro (como se o fato de você ter dinheiro fosse motivo para impor respeito) e ainda possuem vidas muito faceis e sem estresse (enquanto todo o povo brasileiro sofre com
389421347284729 problemas e dificuldades diversas).

Você acha mesmo justo, uma pessoa (por sorte ou acaso) ter muito mais dinheiro do que a outra?
E não estou falando de pessoas que estudaram muito pra conseguir esse dinheiro, mas sim, foram espertinhas, tiveram sorte ou receberam o dinheiro ou o negócio dos pais ou da familia.
Gente, isso não é motivo de orgulho. É motivo de vergonha ter um negócio que te da muito lucro e pagar mal os funcionários e ainda fazer eles trabalharem quase como escravos. 
Mas você que é rico e tá lendo isso, não se sinta ofendido viu? Mais de 70% da população brasileira vive em miséria, somos consideramos um pais de terceiro mundo por paises como EUA, Canada, Australia e paises europeus. Somos famosos por "futebol, mulher pelada, carnaval, praia e FAVELA". Mas não preocupem, afinal, os favelados são os culpados por morarem na favela e faze-la crescer a cada dia mais. 

Por isso, se você é um milionário, sem nivel superior, que não trabalha muito, paga mal os seus empregados, ou trata eles diferentes das outras pessoas, quero te deixar um recado: você é uma vergonha para o Brasil, você não deveria ser considerado brasileiro, por que ser brasileiro é ser humilde acima de tudo.
Pegue o seu dinheiro e vá para um pais de primeiro mundo, quem sabe assim você aprenda um pouco sobre direitos humanos após ser tratado mal por algum garçom ou funcionário, por que não foi educado o suficiente para eles.

E por favor, você não precisa voltar ao Brasil, afinal, depois de conhecer um pais rico e retornar ao Brasil, você se sente em uma grande bagunça cheia de pobreza com alguns prédios "de gente rica" (experiencia própia).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem escreve?

Uma micro empresária, professora e tradutora intérprete da língua inglesa. Chama-se Martina Domingues, tem 23 anos e nasceu em Florianópolis - SC. Viajada, aventureira e blogueira nas horas vagas. Ama música, adora decorar a casa e também gosta muito de escrever. É na madrugada que ela geralmente vem aqui para escrever sobre qualquer coisa ou compartilhar o que acha pela internet com vocês.