Procurando algo?

11/03/2013

TDAH: Transtorno de Deficit de Atenção e Hiperatividade



Quem me conhece sabe como eu como as palavras quando digito, costumo me apaixonar muito rápido e desapaixonar muito rápido também. Sabe como já comecei vários cursos e os larguei, assim como repeti na escola 2 vezes.
Quem me conhece sabe como eu realmente amo música, e posso ficar mais de 6 horas na frente de um piano ou um violão, assim como posso dançar por 5 hras consecutivas em uma balada.
Sou compulsiva com comida e com alcool.

Ou seja, não sou uma pessoa normal. Por mais que as vezes de pra enganar, minha adolescencia foi um grande problema. Fui diagnosticada com depressão aos 16 anos.
Esse é o perfil do TDAH (claro que algumas coisas mudam de pessoa para pessoa).
Hoje com 19 anos assistindo os videos no youtube da Ana Beatriz Silva (que é uma médica especializada em psiquiatria muito competende e ótima profissional) eu finalmente percebi que eu sou parte de 10% da população e sofro do famoso "Mal dos Gênios".
Na verdade, de genial eu não tenho nada pra ser sincera, sou boa naquilo que eu faço e gosto, e surpreendo algumas pessoas com os meus "talentos" (elas costumam chamar isso de talento, rs).
Mas e você que tá ai lendo isso, já parou pra pensar que você pode ser TDAH também?
Ou que o seu amigo é tdah? Ou que o seu filho é tdah? E não apenas mais um "preguiçoso" ou desobediente e que não estuda. Reflita.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem escreve?

Professora, tradutora e micro empresária da UP Língua Inglesa. Chama-se Martina Domingues, tem 23 anos e nasceu em Florianópolis - SC. Viajada, aventureira e blogueira nas horas vagas. Ama música, adora decorar a casa e também gosta muito de escrever. É na madrugada que ela geralmente vem aqui para escrever sobre qualquer coisa ou compartilhar o que acha pela internet com vocês.